Lisbon Mobi Summit

Governo promete 500 milhões para descarbonizar transportes públicos

O Governo vai investir cerca de 500 milhões de euros em obras destinadas à modernização e descarbonização dos transportes públicos, anunciou o ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, na abertura do segundo dia da Lisbon Mobi Summit, em Lisboa.

Segundo o governante, daquele montante, 200 milhões virão dos reprogramados fundos comunitários e a parte restante do Fundo Ambiental.

Ainda este mês será lançado o concurso de 130 milhões de euros para a aquisição de 14 UT para o metro de Lisboa e a substituição do sistema de segurança e sinalização, que data dos anos 70, avançou o ministro.

Matos Fernandos revelou que está concluída a consulta pública de avaliação de impacto ambiental da expansão do Metro de Lisboa e o concurso para a obra seguir-se-á com a conclusão do anel circular, num investimento de 202 milhões de euros. "Há anos que não há investimento dentro da cidade de Lisboa", assinalou o ministro.

Também para o metro do Porto estão previstas duas obras de expansão, no valor de 300 milhões de euros, que se encontram em fase de avaliação ambiental.

Ao nível da descarbonização dos transportes, o Governo tem atualmente o maior investimento em curso. Em causa estão, por exemplo, o financiamento de 516 autocarros de elevada performance ambiental no país e está aberto um aviso para mais 100, muitos dos quais, de produção nacional. Este investimento ultrapassa os 150 milhões de euros e, neste momento, "é o maior na Europa neste domínio".

Também com a reprogramação, o Governo vai lançar o concurso para a aquisição de 10 navios para a Transtejo e Soflusa, disse.

Acompanhe aqui em direto o Lisbon Mobi Summit

  COMENTÁRIOS