tsf pais e filhos

Quando os prematuros vão para casa

No TSF Pais e Filhos, a presidente da Sociedade Portuguesa de Neonatologia explica como lidar com o receio de levar bebés prematuros para casa.

"Nem sempre os pais querem levá-los para casa", conta Joana Saldanha, presidente da Sociedade Portuguesa de Neonatologia. Às vezes os pais têm receio de não saber cuidar de bebés tão pequeninos, mas Joana Saldanha assegura que as equipas ajudam.

Depois de saírem do hospital, os bebés que nasceram prematuramente têm, além das consultas com o médico assistente ou o pediatra, consultas de neonatologia nos hospitais e consultas específicas. "Têm consultas de desenvolvimento e depois logo se vê, caso a caso, se precisam de ter fisioterapia, se precisam de ter oftalmologia, quase todos têm de fazer um rastreio de visão e de audiologia, muitas vezes também", explica a presidente da Sociedade Portuguesa de Neonatologia que revela ainda que à medida que as crianças vão crescendo, as consultas vão sendo cada vez mais espaçadas.

Em Portugal, 10% dos bebés nascem antes das 37 semanas de gestação.

  COMENTÁRIOS