Tem diabetes ou depressão? Pode passar a ter consultas de atividade física no SNS

Projeto pretende testar o impacto do exercício físico na prevenção e tratamento de patologias crónicas. Iniciativa arranca até março de 2019.

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) vai ter uma consulta de atividade física para doentes crónicos. O projeto arranca no início do próximo ano e destina-se, numa primeira fase, a pessoas com diabetes tipo 2 e depressão.

Em entrevista à TSF, Cristina Godinho, do Programa Nacional de Promoção de Atividade Física da Direção-Geral da Saúde (DGS), explica que os doentes serão identificadas pelo médico de família e convidados a participar nesta nova consulta. "Serão depois acompanhadas nessa consulta durante seis meses, ao longo dos quais irão ter diversas consultas e ser avaliados", refere.

Para isso, o SNS vai ter 13 projetos-piloto em unidades de Norte a Sul do país, onde os doentes serão encaminhados para uma consulta multidisciplinar. "Esta consulta vai ser coordenada por um médico com uma especialização ou pós-graduação em medicina desportiva, em colaboração com um profissional da área do exercício físico. Depois há outros profissionais de saúde que poderão ser envolvidos, como fisioterapeutas, enfermeiros, nutricionistas e psicólogos, caso a caso e por referenciação", explica Cristina Godinho.

A ideia é fazer o que já se faz noutros países, como no Reino Unido e na Suécia, onde a prescrição de exercício físico acompanhado a doentes crónicos é uma prática comum. No caso da diabetes tipo 2 e da depressão, a evidência científica mostra que a atividade física tem um efeito importante ao nível da prevenção, mas também ao nível do tratamento ou como coadjuvante terapêutico.

Cristina Godinho esclarece que os projetos-piloto vão ser lançados no primeiro trimestre de 2019 e que os resultados serão depois avaliados para perceber o impacto na saúde dos doentes e nas contas do SNS. Se o saldo for positivo, a DGS pondera alargar a iniciativa a outras unidades do país.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de