Qual a melhor altura para falar às crianças dos malefícios do tabaco?

Para o psicólogo Paulo Vitória, o ideal é aproveitar pretextos - sejam as dúvidas colocadas pelos filhos ou uma notícia relacionada que esteja em destaque.

"Por vezes considera-se que antecipar a informação [sobre os malefícios do tabaco] pode ser contraproducente, pode ser uma espécie de estímulo perverso", afirma o psicólogo Paulo Vitória, que recomenda que a abordagem seja feita à boleia de pretextos.

O ideal é "que a informação venha a propósito, tenha contexto, seja por razões concretas", sublinha. Para Paulo Vitória, os pais devem aproveitar, por exemplo, quando os filhos pedem informação, quando têm comportamentos que justificam a transmissão dessa informação, quando a escola falou do assunto ou quando exista uma notícia relacionada com o consumo de tabaco.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de