Vida

Como viajar por auto-estrada entre o Porto e Lisboa sem entrar na A1

Com a abertura do último lanço da concessão rodoviária da Costa da Prata é possível, a partir desta sexta-feira, viajar entre o Porto e Lisboa por auto-estrada sem utilizar a A1. Para isso basta seguir pelas auto-estradas A29, A25, A17 e A8, ou ao contrário se partir de Lisboa. A distância é semelhante e nesta alternativa à A1 é possível poupar alguns euros.

O percurso tem no total mais oito quilómetros, mas na altura de fazer as contas pode poupar 3 euros e 70 cêntimos.

Por exemplo, se sair do Porto e optar por fazer a viagem num veículo ligeiro, deve seguir pela A29, espera-o um percurso de 53 quilómetros sem portagens até Angega, na que é a primeira auto-estrada da europa iluminada com lâmpadas de baixo consumo energético.

Continua com a Aenor, mas aqui troca para a A25 até Aveiro Nascente são mais sete quilómetros sem pagar.

De Aveiro até Mira espera-o o último troço sem portagens são cerca de 25 quilómetros na A17.

Da Aenor para a Brisal, uma concessionária da brisa, e daí para a auto-estrada do atlântico, o percurso tem cerca de 226 quilómetros entre a A17 e a A8.

No total paga 15 euros e 85 cêntimos, por cerca de 311 km de viagem, sendo que na auto-estrada do norte, A1, o preço total do trajecto é de 19 euros e 55 cêntimos.

Estas contas podem, no entanto, ser validas apenas até as eleições legislativas, porque o ministro dos Transportes, Mário Lino, reiterou esta sexta-feira que logo após a tomada de posse do novo governo será possível cobrar portagens na A29 e A17, assim como na A28, entre Porto e Caminha.