Livros de regresso aos jardins do Palácio de Cristal no Porto

Começa hoje a Feira do Livro do Porto que, pelo segundo ano consecutivo, está de regresso aos jardins do Palácio de Cristal. A edição deste ano conta com mais editores e livreiros do que em 2014, as iniciativas também são muitas e Agustina Bessa-Luís é a escritora homenageada.

São milhares de livros espalhados por 130 expositores instalados ao ar livre, ao longo da Avenida das Tílias, que atravessa os Jardins do Palácio de Cristal.

João Fontes, da Europa América, participa na Feira do Livro desde a primeira edição e elogia a aposta da autarquia na melhoria do espaço. "Há outdoors na cidades, muitas iniciativas, multibanco, melhorias no chão, passadiços...".

Os livros ocupam os jardins até ao dia 20 de setembro, João Fontes critica a escolha da data. "O único senão é a época do ano em que as pessoas não têm dinheiro disponível... é o início de aulas, a roupa, manuais escolares, a vinda das férias em que as pessoas gastaram tudo."

Mário Silva também marca presença na feira do livro do Porto há décadas, aqui encontramos várias editoras brasileiras e livros técnicos. O regresso à rua cria mais expectativas.

"Será mais abrangente, o público diferente e expectativa é pelo menos superar o ano passado, que foi razoável. Este ano contamos com mais presenças".

Este ano Agustina Bessa-Luís é a escritora homenageada e a feira tem como tema a Felicidade.

"Apelo a que venham, vale a pena, é a maior livraria do país neste momento", diz Mário Silva.

Durante os 18 dias da feira do Livro do Porto vão decorrer concertos, debates, exposições, leituras, sessões de cinema, oficinas, tudo isto nos espaços dos jardins do Palácio de Cristal, como a Biblioteca Municipal Almeida Garrett.

A feira do Livro do Porto abre ao público hoje, às 15 horas. Para amanhã está marcada a homenagem a Agustina Bessa-Luís. Pode conhecer toda a programação no site da Câmara Municipal do Porto.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de