Uma viagem ao bairro dos jornais

No Bairro Alto, em Lisboa, coabitaram fidalgos, boémios, prostitutas, marinheiros, mas também jornalistas e tipógrafos. O livro "O Bairro dos Jornais", do livro do jornalista Paulo Martins, faz uma viagem a esses tempos.

"Se fosse aludir, com pormenores, a todos os jornais que tem havido no Bairro Alto e sua linha de circunvalação - não nos chegava toda uma tarde de jornada, pois bem posso certificar-te que não há rua, que quase não há prédio, por onde não tivesse rumorejado a vida da Imprensa: o jornalismo literário, o jornalismo em tentativas sérias e o jornalismo de capricho e aventuras".

As palavras são de Norberto Araújo, redator do jornal O Mundo, do Diário de Notícias e do Diário de Lisboa. Um relato a juntar-se a tantos outros recolhidos por Paulo Martins, que lança agora "O Bairro dos Jornais".

Mais de 80% dos jornais lisboetas passaram pelo Bairro Alto. Ao longo da história, foram quase 600. Em conversa com Fernando Alves, o jornalista recorda que havia uma certa cumplicidade entre jornais. "Quando faltava papel a um jornal, o outro emprestava".

Os jornais seguiram as tipografias, que já estavam no Bairro Alto. Paulo Martins considera que a razão mais provável para escolherem o bairro como morada prende-se com o facto de, depois do Terramoto de 1755, a maior parte dos nobres que tinha ali palácios saiu para os arredores de Lisboa e deixaram espaços vagos.

Em "O Bairro dos Jornais - As histórias que marcaram o Bairro Alto e os seus jornais", Paulo Martins partiu das histórias das redações e das topografias, para chegar às histórias dos próprios jornalistas e do jornalismo em Portugal.

Atualmente, no Bairro Alto resta apenas o jornal A Bola. "É significativo que isso aconteça", considera Paulo Martins. "A dispersão dos jornais por outras zonas da cidade e muitas vezes fora da cidade tendeu a prejudicar o acesso à informação e uma certa ideia de solidariedade que se criou no Bairro".

"O Bairro dos Jornais", de Paulo Martins, tem edição da Quetzal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de