Notícia TSF

Ex-líder da Juve Leo Fernando Mendes foi detido

Operações policiais levadas a cabo na noite desta quarta-feira culminaram na detenção do ex-líder da claque do Sporting Juventude Leonina e mais três pessoas, entre as quais o homem que conduziu o carro que saiu da Academia logo após as agressões.

A polícia deteve na noite desta quarta-feira, em Lisboa, Fernando Mendes. Só esta operação envolveu 15 elementos da polícia, no centro da capital, e culminou na detenção do ex-líder da Juventude Leonina, a claque sportinguista mais antiga e mais numerosa, apurou a TSF.

PUB

A operação policial que levou à detenção do antigo líder da Juve Leo e que envolveu várias forças no terreno começou pelas 22h00 desta quarta-feira e prolongou-se por mais de uma hora.

Fernando Mendes e as outras três pessoas em causa, ao que tudo indica todas ligadas à Juventude Leonina, foram detidas na sequência das agressões a jogadores e equipa técnica do clube de Alvalade, na Academia do Sporting, em Alcochete.

As várias forças policiais realizaram quatro buscas distintas, as quais levaram às quatro detenções: além de Fernando Mendes, também Nuno Torres - que conduziu o veículo que saiu da Academia do Sporting pouco tempo depois das agressões, alegadamente com outros membros da Juve Leo - está entre os detidos.

Os outros dois detidos nas ações policiais efetuadas esta noite são Ba Amadou e Joaquim Costa, segundo as informações apuradas pela TSF.

Fernando Mendes esteve na Academia de Alcochete no dia das agressões, uma informação que foi confirmada, na altura, pelo chefe de segurança que estava no local e também por Jorge Jesus, ex-treinador do Sporting, que terá pedido ajuda ao membro da claque após ser agredido.

Até agora, na sequência da violência registada a 15 de maio, em Alcochete, tinham sido detidas 23 pessoas, sendo que a todas foi aplicada a medida de coação mais gravosa (prisão preventiva). Os detidos são suspeitos de vários crimes.