Desporto

Gonçalo Paciência é reforço do Eintracht Frankfurt

Paciência será o primeiro jogador português a vestir as cores do emblema alemão.

O Eintracht Frankfurt anunciou, esta quinta-feira, na sua página oficial , a contratação de Gonçalo Paciência para as próximas quatro temporadas. O avançado português, que assinou até 2022 com os germânicos, não se irá juntar ao grupo de trabalho, que se encontra a estagiar nos Estados Unidos da América.

O jogador da formação portista começou a sua carreira de sénior na equipa B dos dragões, na temporada 2013/14, onde marcou cinco golos em 19 jogos. Na época seguinte, o avançado começou na equipa B, onde ainda apontou nove golos nos 18 jogos que participou, mas acabou por ser promovido à equipa principal dos azuis e brancos, por mão do atual técnico do Real Madrid, Julen Lopetegui, já na segunda metade da temporada, na qual realizou quatro jogos (três para a Taça da Liga e um para o campeonato), onde marcou por uma vez.

A estreia do internacional português (um jogo por Portugal) foi num jogo fora, contra o Sporting de Braga, para a Taça da Liga, que terminou empatado a 1-1. Já o seu primeiro golo, ao serviço dos dragões, foi marcado num jogo da fase de grupos da Taça da Liga, que terminou com vitória portista por 4-1, precisamente contra a Académica de Coimbra, aquela que viria a ser a sua equipa na época seguinte.

Paciência foi emprestado à Académica na temporada 2015/16, onde teve a sua primeira grande oportunidade para ser titular numa equipa, e assim afirmar-se no futebol português. Apesar dos 30 jogos realizados pela Briosa apenas conseguiu introduzir a bola no fundo da baliza por quatro ocasiões, para além de ver a sua equipa descer de divisão, em último lugar da tabela classificativa, apenas com 25 pontos.

Na época 2016/17, sem espaço no plantel portista, orientado nesse ano por Nuno Espírito Santo, Gonçalo Paciência acabou por ter a sua primeira experiência no estrangeiro, ao ser emprestado ao Olympiacos, da Grécia. A cedência ao clube grego acabou por não ser bem-sucedida. Gonçalo apenas realizou uma partida pelos gregos, acabando por regressar a Portugal, na segunda parte da temporada, para um novo empréstimo, desta vez ao Rio Ave. Pelos vilacondenses realizou 15 jogos, onde marcou apenas um golo.

Na temporada passada, Gonçalo foi emprestado pela 4.ª vez consecutiva, desta feita ao Vitória de Setúbal, naquela que foi a sua época mais produtiva. O atacante envergou a camisola dos sadinos por 25 vezes, onde marcou por 11 ocasiões. Na segunda metade da época, graças ao bom desempenho que teve no clube setubalense, valeu-lhe o regresso ao plantel portista. Sob as ordens de Sérgio Conceição, Gonçalo Paciência realizou 12 jogos, onde não marcou por nenhuma vez, sagrando-se campeão nacional pelo FC Porto, no final da temporada.

Gonçalo Paciência terá assim a sua segunda experiência no estrangeiro, depois da curta passagem pelo Olympiacos, da Grécia. O avançado será o primeiro jogador português a representar a equipa de Frankfurt.

Na hora da despedida, Gonçalo Paciência recorreu às redes sociais para agradecer a todos com quem trabalhou na cidade Invicta, através de uma mensagem emotiva, em que recorda a sua estreia pelos azuis e brancos.

O jogador agradece também aos adeptos portistas "por todo o carinho, apoio e confiança". Confessa ainda que cumpriu o seu grande sonho: "ser campeão com a camisola do FC Porto."

Gonçalo termina a sua despedida, a dizer que não se despede do FC Porto.

"16 anos depois... Não posso dizer que hoje me despeço do FC Porto, porque o Clube faz parte de mim. Vesti a camisola com tanto amor que o símbolo ficou bordado no meu coração.

Espero que a próxima época seja repleta de conquistas!

Ate já Família!
Gonçalo, Sócio e Adepto do FC Porto"

  COMENTÁRIOS