Futebol

V. Guimarães confirma passagem à final da Taça de Portugal

A equipa minhota confirmou a sua sexta final da Taça de Portugal, com mais uma vitória sobre o Belenenses, graças um golo solitário de Marco Matias, aos 14 minutos.

O V. Guimarães confirmou, esta quarta-feira, a passagem à final da Taça de Portugal com um triunfo caseiro por 1-0 sobre o Belenenses, isto depois do triunfo na primeira mão por 0-2.

Com este apuramento, os vimaranenses qualificaram-se pela sexta vez para a final desta competição, juntando-se assim ao Benfica na final da Taça de Portugal, que se joga no Jamor, a 26 de maio.

Os minhotos, que assim asseguram presença na Liga Europa, limitaram-se a confirmar o favoritismo nesta eliminatória, muito embora tivesse sido o Belenenses a criar a primeira oportunidade de golo do jogo.

Aos 13 minutos, após canto de Fredy, Diawara obrigou Douglas a grande defesa, lance que teve resposta pronta dos vimaranenses, que, no minuto seguinte, chegaram ao golo, num lance concretizado por Marco Matias, após passe de Tiago Rodrigues.

A equipa de Lisboa ainda teve um remate perigoso por Tiago Silva, aos 18 minutos, mas a partida foi-se arrastando sem outros lances dignos de registo até ao final da primeira parte.

Após o intervalo, a formação do Restelo teve duas oportunidades para marcar, primeiro por Kay, aos 63 minutos, e depois num remate de Diakité, aos 69, a que Douglas respondeu com nova grande defesa.

A um quarto de hora do fim, a equipa da casa respondeu num lance de Soudani, que quis marcar de calcanhar, e num remate ligeiramente ao lado de Baldé, mas o resultado não sofreu alterações.

Sob a arbitragem de Carlos Xistra, de Castelo Branco, no Estádio D. Afonso Henriques, com a assistência de cerca de 12 mil espectadores, as equipas alinharam da seguinte maneira:

V. Guimarães: Douglas, Alex, Paulo Oliveira, El Adoua, Addy, Leonel Olímpio, André, Tiago Rodrigues, Marco Matias (Crivellaro, 71), Soudani (Barrientos, 82) e Amidó Baldé (Machis, 88).

Suplentes: André Pereira, Kanú, N'Diaye, Crivellaro, Barrientos, Machis e Jona.

Belenenses: Matt Jones, Duarte Machado, João Meira, Kay, Nélson, Diakité, Fernando Ferreira, Tiago Silva (Tiago Caeiro, 56), Fredy, Desmarets (Arsénio, 76) e Mamadou Diawara (Rambé, 81).

Suplentes: Filipe Mendes, Ricardo Alves, João Afonso, Filipe Ferreira, Arsénio, Rambé e Tiago Caeiro.

Ação disciplinar: cartão amarelo para Diakité (44) e Kay (60).