Liga

V. Guimarães impõe sexta derrota da época ao P. Ferreira (vídeo)

O V. Guimarães impôs a sexta derrota da temporada na Liga ao P. Ferreira ao vencer no terreno dos pacenses por 1-3. Ao fim do oito jornadas, o P. Ferreira é último com apenas quatro pontos.

O V. Guimarães impôs, esta segunda-feira, a sexta derrota no campeonato ao P. Ferreira, que é cada vez mais último com apenas quatro pontos em oito jornadas.

A equipa orientada por Costinha até começou muito bem com um golo logo aos dez minutos, apontado por Sérgio Oliveira, na sequência de uma incursão de Nuno Santos pela esquerda.

Depois de um bom remate do vimaranense Malonga, os pacenses estiveram várias vezes perto do segundo golo entre o minuto 20 e 28, duas vezes por Christian e uma outra por Bebé, mas o resultado de 1-0 não se alterou.

O. V. Guimarães, que tinha ameaçado aos 36 minutos por Tomané, acabou por empatar a partida por intermédio de Leonel Olímpio na conversão de uma grande penalidade a castigar falta de Gregory sobre Tomané na grande área.

A equipa da casa entrou intranquila no segundo tempo e os vimaranenses aproveitaram este facto dar a volta ao resultado, o que conseguiram aos 59 minutos por Marco Matias.

Aos 77 minutos, Tomané confirmou o triunfo da formação orientada por Rui Vitória numa partida que acabou com forte contestação dos adeptos da casa contra o treinador e direção pacense.

Sob a arbitragem de Marco Ferreira, da Madeira, no Estádio Capital do Móvel, com a assistência de cerca de 1500 espectadores, as equipas alinharam da seguinte forma:

P. Ferreira: António Filipe, Tony, Tiago Valente, Grégory (Fernando Neto, 74), Nuno Santos, André Leão, Sérgio Oliveira, Rui Miguel (Rúben Ribeiro, 59), Manuel José, Bebé e Christian.

Suplentes: Degra, Hélder Lopes, Rodrigo António, Romeu, Seri, Rúben Ribeiro e Fernando Neto.

V. Guimarães: Douglas, Pedro Correia, Paulo Oliveira, Moreno, Addy, Leonel Olímpio, André Santos, Tiago Rodrigues (André, 82), Marco Matias, Malonga (Barrientos, 70) e Tomané (Crivellaro, 90+1).

Suplentes: Assis, Kanu, Freire, André, Russi, Barrientos e Crivellaro.

Ação disciplinar: cartão amarelo para Malonga (20) e Grégory (32).