Max Verstappen conquista pole position no GP do México de Fórmula 1

George Russell e Lewis Hamilton, ambos da Mercedes, vão partir de segundo e de terceiro.

O piloto neerlandês Max Verstappen (Red Bull) conquistou este sábado a 19.ª pole position da carreira na Fórmula 1, ao ser o mais rápido na qualificação para o Grande Prémio do México.

Verstappen, já matematicamente campeão, fez a sua melhor volta em 1.17,775 minutos, deixando o segundo classificado, o britânico George Russell (Mercedes) na segunda posição, a 0,304 segundos, com o compatriota Lewis Hamilton (Mercedes) em terceiro, a 0,309 segundos.

"Foi uma boa qualificação. Foi apertada, mas antes da Q3 fiz alguns ajustes no carro. Vamos precisar de um bom arranque, mas acho que temos um bom carro para a corrida", sublinhou o piloto da Red Bull.

Max Verstappen deu sempre ideia de estar confortável nesta pista, onde venceu três das últimas quatro corridas aqui disputadas (foi apenas batido por Hamilton em 2019 e, em 2020, a prova foi cancelada devido à pandemia de covid-19).

Se na segunda fase da qualificação montou pneus usados para garantir, com folga, o tempo suficiente que lhe valesse a passagem à derradeira fase, a Q3, nesta fase decisiva da sessão fez o melhor tempo, por duas vezes.

Já era o detentor virtual da 'pole' quando, na derradeira tentativa, ainda melhorou cerca de duas décimas ao tempo já efetuado, deixando os dois Mercedes sem grandes esperanças de chegarem à frente.

No entanto, esta pista, situada a maior altitude, mostrou que os carros alemães são mais competitivos, com Hamilton a liderar a Q1 e a Q2.

Pela segunda vez esta época, Russell parte da primeira linha da grelha (a outra foi na Hungria).

O mexicano Sérgio Pérez (Red Bull) foi o quarto mais rápido, a 0,353 segundos do seu companheiro de equipa, enquanto o espanhol Carlos Sainz foi o melhor dos representantes da Ferrari, na quinta posição, mas já a mais de meio segundo.

O finlandês Valtteri Bottas (Alfa Romeo) surpreendeu com a sexta posição, na frente do outro Ferrari, de Charles Leclerc.

Lando Norris (McLaren), Fernando Alonso (Alpine) e Esteban Ocon (Alpine) completaram os dez primeiros da grelha.

O GP do México de Fórmula 1 é a 20.ª das 22 corridas da temporada, que já tem os dois campeões encontrados. Max Verstappen conquistou o título de pilotos e a Red Bull o de construtores.

No entanto, o piloto neerlandês pode bater, nesta corrida, o recorde de vitórias numa temporada, que igualou na ronda anterior, no Texas.

Atualmente o recorde é de 13 e pertence a Verstappen e aos alemães Sebastian Vettel e Michael Schumacher.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de