impostos

Carga fiscal regista valor mais alto desde 1995

INE confirma que receita dos impostos e das contribuições sociais efetivas atingiu 67 mil milhões de euros.

A carga fiscal aumentou em 2017 face ao ano anterior, representando 34,7% do PIB e atingindo o valor mais alto desde 1995, o início da série, confirmou esta segunda-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

No destaque sobre a carga fiscal de 2017 agora divulgado, o INE confirma que a receita dos impostos e das contribuições sociais efetivas atingiu 67 mil milhões de euros, crescendo 5,3% em termos nominais, mais do que o Produto Interno Bruto (PIB), que subiu 4,1%.

"Em consequência, em percentagem do PIB, a carga fiscal aumentou 0,4 pontos percentuais, fixando-se em 34,7%, o valor mais elevado desde 1995", o primeiro ano da série do INE, confirmou a entidade estatística.