Economia

Derrama do IRC (para já) fora do OE2018, mas será aprovada na especialidade

O aumento da derrama do IRC não entra já no OE2018, mas a TSF confirmou que Bloco de Esquerda e PCP receberam garantias do governo de que a medida entra em sede de especialidade.

O aumento da derrama de IRC no terceiro escalão, de 7% para 9%, não avança já, mas fonte governamental confirmou que o executivo tem acordo com os partidos à esquerda para que a medida seja aprovada na discussão em sede de especialidade.

O Governo não apresentará esta medida logo, mas quando o Bloco de Esquerda e o PCP apresentarem propostas de revisão, o aumento do imposto será aprovado, apurou a TSF.

Está em causa um acréscimo da derrama estadual em 2 pontos percentuais para lucros acima de 35 milhões de euros, tal como acordado entre PSD e PS quando a taxa de IRC desceu para todas as empresas.

Bloco de Esquerda e PCP defenderam esta medida nestas negociações para compensar devoluções mais acentuadas de IRS.

Notícia atualizada às 13h00, com confirmação de fonte governamental

  COMENTÁRIOS