Noite sangrenta, camioneta fantasma

Noite Sangrenta foi há 100 anos. Mandantes nunca foram identificados

A Noite Sangrenta foi há cem anos. O golpe começou na manhã de 19 de outubro, mas ao fim da tarde, quando o novo poder parecia instalado, a situação descambou. A chamada camioneta fantasma espalhou a matança por várias zonas da cidade, da Almirante Reis ao Arsenal. O primeiro-ministro António Granjo, Machado Santos (o herói da rotunda), Carlos da maia e vários outros dirigentes republicanos foram passados pelas armas e, como sublinha o historiador Luís Farinha, o descontrolo poderia não ter acabado na manhã seguinte.