Palestina

Foi há 50 anos que Yasser Arafat se tornou líder da OLP

Embaixador Seixas da Costa cruzou-se várias vezes com o prémio Nobel da Paz e recorda, à TSF, Yasser Arafat, quando passa meio século da chegada à liderança da Organização de Libertação da Palestina.

No dia em que passam 50 anos desde que Yasser Arafat assumiu a liderança da Organização de Libertação da Palestina (OLP).

PUB

O antigo chefe da Autoridade Palestiniana, foi uma das personalidades políticas mais importantes no conflito israelo-palestiniano e durante 40 anos lutou pela formação de um Estado autónomo, na região da Palestina.

A TSF recorreu à memória do embaixador Francisco Seixas da Costa para recuperar o papel que Portugal teve durante décadas no processo de paz.

O diplomata português estava com Yasser Arafat quando, em 1995, o líder da OLP da recebeu a notícia do assassinato de Isac Rabin, primeiro ministro de Israel com quem, a par de Shimon Peres, tinha recebido o Nobel no ano anterior. O galardão tinha sido atribuído aos três como reconhecimento pelo acordo de paz celebrado em Oslo, de que resultou a criação da autoridade palestiniana.

  COMENTÁRIOS