O homem que durante cinco anos vestiu a camisola da TSF, mesmo sem o saber

António, um sobrevivente do ciclone Idai, tem uma ligação à rádio que nem o próprio conhecia.

No mar de lama e buracos em que se transformou a Beira desde a passagem do ciclone Idai por Moçambique, a TSF encontrou... a TSF.

Ou, pelo menos, um homem com uma t-shirt imaculadamente branca com três letras azuis estampadas nas costas - T - S - F.

António não conhece o significado desta sigla, nunca ouviu falar na telefonia sem fios portuguesa. A peça de roupa foi doada, oferecida por uma comunidade católica, e já a usa há cinco anos. É uma sobrevivente, tal como ele.

"Deus poupou a minha vida." O moçambicano que vive na Beira há 25 anos sobreviveu à passagem do ciclone Idai e também a sua família escapou à tragédia, mas não todos os seus vizinhos.

António não conhecia a TSF e por estes dias não consegue ouvir nenhuma estação de rádio. A falta de energia elétrica vedou o acesso a toda a comunicação na Beira.

Leia aqui tudo sobre o ciclone Idai

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de