Coreia do Norte testou "dispositivo de detonação nuclear"

Novas imagens de satélite indicam que Pyongyang retomou a construção de um reator nuclear de longa duração.

A Coreia do Norte testou um "dispositivo de detonação nuclear", avançou esta quarta-feira um alto funcionário presidencial sul-coreano, acrescentado que um ensaio nuclear pode estar para breve.

"Os testes de um dispositivo de detonação nuclear, em preparação para um sétimo teste nuclear, foram agora detetados", disse Kim Tae-hyo, primeiro diretor adjunto do Gabinete de Segurança Nacional.

Estas experiências são conduzidas longe do local principal dos ensaios nucleares, que é monitorizado de perto por Seul, acrescentou o alto funcionário.

"As autoridades norte-coreanas estão prestes a chegar à fase final de preparação para um teste nuclear de escala e qualidade desejadas", afirmou Kim Tae-hyo aos repórteres.

"A possibilidade de um ensaio nuclear iminente, num dia ou dois, é baixa, mas depois disso há certamente uma possibilidade", continuou.

Embora a Coreia do Norte tenha vindo a lutar contra uma recente onda mortal de Covid-19, novas imagens de satélite indicam que Pyongyang retomou a construção de um reator nuclear de longa duração.

Seul e Washington avisaram durante semanas que Pyongyang poderia realizar um sétimo ensaio nuclear, que seria o primeiro desde 2017.

Hoje, a Coreia do Norte testou três mísseis, incluindo o seu potencialmente maior míssil balístico intercontinental (ICBM), o Hwasong-17, poucos dias depois de o Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, ter deixado a Coreia do Sul, no domingo.

O líder norte-coreano Kim Jong Un intensificou recentemente o seu programa de modernização militar, realizando quase 20 testes de armas desde o início do ano.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de