Pandemia já fez mais de 16.000 mortos e 360.000 infetados a nível mundial

Em 24 horas ocorreram 1748 novas mortes e foram registados 37.217 novos casos em todo o mundo.

O novo coronavírus já matou pelo menos 16.146 pessoas em todo o mundo desde seu surgimento em dezembro, de acordo com dados recolhidos até às 19h00 desta segunda.feira pela agência AFP a partir de fontes oficiais.

Segundo os dados, mais de 361.510 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados em 174 países e territórios desde o início da epidemia.

Contudo, a agência noticiosa francesa alerta que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração da quantidade real de infeções, com um grande número de países agora a testar apenas os casos que requerem atendimento hospitalar.

Desde a contagem feita às 19h00 de domingo, ocorreram 1748 novas mortes e foram registados 37.217 novos casos em todo o mundo.

Os países com mais óbitos nas últimas 24 horas são a Itália, com 601 novas mortes, Espanha (462) e França (186).

A Itália, que registou o seu primeiro óbito ligado ao coronavírus no final de fevereiro passado, regista um total de 6.077 mortos, em 63.927 casos.

Só hoje, foram anunciadas 601 mortes e 4789 novos casos de infeção, numa altura em que 7.432 pessoas são consideradas curadas pelas autoridades italianas.

A China (sem considerar os territórios de Hong Kong e Macau), onde a pandemia começou no final de dezembro passado, contabilizou um total de 81.093 casos (39 novos entre domingo e hoje), incluindo 3.270 mortes (9 novas) e 72.703 curas.

Os países mais afetados depois da Itália e da China são Espanha, com 2.182 mortes, em 33.089 casos, o Irão, com 1.812 mortes (23.049 casos), a França, com 860 mortes (19.856 casos) e os Estados Unidos, com 499 mortos (41.511 casos).

Desde domingo, às 19:00, a Gâmbia, República Checa, Nigéria, Zimbábue e Montenegro anunciaram as primeiras mortes ligadas ao vírus, enquanto a Papua Nova Guiné e a Síria anunciaram o diagnóstico dos primeiros casos.

A Europa totalizou segunda-feira às 19:00, 185.413 casos (10.114 mortes), a Ásia 97.905 casos (3.542 mortes), os Estados Unidos e Canadá 42.943 casos (519 mortes), o Médio Oriente 26.744 casos (1.844 mortes), a América Latina e Caribe 5.382 casos (68 mortes), África 1.691 casos (51 mortes) e a Oceânia 1.433 casos (8 mortes).

Esta avaliação foi realizada usando dados coletados pelos escritórios da AFP das autoridades nacionais competentes e informações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em Portugal, há 23 mortes e 2.060 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral de Saúde.

Dos infetados, 201 estão internados, 47 dos quais em unidades de cuidados intensivos.

Portugal encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de quinta-feira e até às 23:59 de 2 de abril.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de