Segurança de festival no Texas terá sido injetado. Polícia já fez 23 detenções

O chefe da polícia não adiantou se as detenções estão relacionadas com a origem do incidente que provocou a morte a oito pessoas.

A policia de Houston, no Texas, deteve 23 pessoas, na sequência do concerto que, no sábado, acabou com a morte de oito jovens.

Em conferência de imprensa, o chefe da polícia anunciou as detenções, sem esclarecer se estão relacionadas com a origem do incidente. No entanto, Troy Finner admitiu que um dos seguranças apresentava sinais de ter sido injetado.

"Temos o relato de um segurança que foi tratado pelo pessoal médico. Ele contou que estava a tentar segurar um cidadão e sentiu uma picada no pescoço. Quando foi examinado perdeu a consciência. Administraram Narcan, reanimaram-no e os médicos notaram uma picada semelhante à de alguém que foi injetado", explicou.

O concerto do festival Astroworld foi interrompido com a debandada do público. Morreram oito pessoas com idades compreendidas entre os 14 e 27 anos. Outras 25 pessoas tiveram de ser assistidas no hospital e 13 continuam internadas.

O chefe dos bombeiros de Houston, Samuel Peña, disse que a compressão da multidão em direção ao palco ocorreu enquanto o 'rapper' Travis Scott atuava, por volta das 21h00 locais de sexta-feira à noite (02h00 de sábado, em Lisboa), e o concerto foi cancelado.

"A multidão começou a comprimir-se em direção ao palco, e isso provocou algum pânico, e começou a causar alguns feridos", disse o chefe dos bombeiros. "As pessoas começaram a cair, a ficar inconscientes, e isso criou mais pânico".

Cerca de 50.000 pessoas estiveram presentes no festival.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de