Um cenário "apocalíptico". São Francisco sob um céu cor de laranja

As partículas de fumo do grande incêndio que deflagra há semanas na Califórnia ficam suspensas no ar, provocando um fenómeno que surpreendeu os moradores de São Francisco.

Podia ser o cenário de um filme de ficção científica, num futuro distópico ou numa cidade em Marte, mas não. Estas imagens foram captadas esta semana em São Francisco, nos Estados Unidos.

Em pleno dia, o céu manteve-se completamente laranja devido ao fumo do incêndio que lavra há semanas no norte da Califórnia e provocou pelo menos 10 mortes.

Apesar do aspeto tenebroso, em declarações ao San Francisco Chronicle, a meteorologista responsável pela avaliação da qualidade do ar no distrito da baía de São Francisco Jarrett Claiborne disse que não é perigoso sair à rua.

O índice de qualidade do ar na zona está em níveis moderados, o que significa que apenas pessoas excecionalmente sensíveis à poluição do ar, como idosos e pessoas com doenças pulmonares ou cardíacas, podem ver agravados os seus problemas de saúde ao sair de casa.

"A boa notícia é que a maior parte [do fumo] fica no ar", explicou Jarrett Claiborne. "O sol é capaz de espalhar as partículas de fumo que produzem esta apocalíptica cor laranja que estamos a ver."

Na Califórnia, mais de duas dezenas de incêndios lavram com intensidade e o fogo já consumiu este ano mais de 10 mil quilómetros quadrados, um recorde desde que há registo, a partir de 1887.

Perto de 4.000 casas e edifícios já arderam em todo o estado e foram emitidos alertas ou ordens de evacuação em três condados californianos, afetando cerca de 20 mil pessoas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de