Governo lança prémio para distinguir melhores escolas e projetos educativos

As melhoras escolas do país e os melhores projetos educativos vão passar a ser premiados pelo Governo através do "Prémio de Escola", lançado hoje pelo Ministério da Educação.

O "Prémio de Escola", que passará a ter uma atribuição anual, irá distinguir uma escola do pré-escolar ao secundário em cada uma das cinco áreas geográficas do mapa educativo (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve) e reconhecerá, com um diploma de louvor, um membro de cada comunidade educativa vencedora.

«Trata-se de um prémio que pretende reconhecer quem contribui para aumentar a qualidade da Educação; vamos premiar boas práticas e o trabalho da comunidade escolar», explicou aos jornalistas o ministro da Educação, Nuno Crato.

O governante esclareceu que a escola vencedora não receberá um prémio em dinheiro, mas sim apoio ao nível dos recursos humanos para desenvolver o seu projeto.

«Iremos apoiar projetos científicos e culturais que consideremos relevantes. Esse apoio poderá ser feito ao nível da mobilização de professores, de material escolar ou, eventualmente, da realização de viagens», especificou.

O júri da primeira edição deste prémio, que será entregue em maio do próximo ano, é liderado pelo presidente do Tribunal de Contas, Guilherme de Oliveira Martins.

As candidaturas devem ser submetidas entre o dia 1 de outubro e o último dia do primeiro período letivo de cada ano, através de uma página do "site" da Secretaria Geral do Ministério da Educação e Ciência, criada para o efeito.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de