BE dá duas opções ao PS: ou chega a acordo ou negoceia ano a ano

Líder bloquista lembra que há compromissos de que o Bloco de Esquerda não abre mão.

A líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins garantiu, este domingo, que embora ainda não seja claro que o PS tenha, ou não, maioria absoluta, vai poder governar.

"O PS tem todas as condições para formar Governo", e caso não o consiga fazer sem apoio parlamentar, refere a líder bloquista, tem duas opções.

"Procurar uma solução de estabilidade" que deve estar refletida no plano de Governo que venha a apresentar ou "realizar negociações ano a ano para cada orçamento".

"Estaremos disponíveis para a negociação caso a caso", garante a líder bloquista.

A líder bloquista já enviou os parabéns ao PS e a António Costa - que, reforçou, "tem todas as condições para fazer um Governo" - mas lembrou que há compromissos de que o Bloco não abre mão: "Defender quem trabalha e trabalhou toda uma vida, salvar o Serviço Nacional de Saúde e ter um investimento público que responda às crises do país e à emergência climática."

Sobre a solução de estabilidade, Catarina Martins reforçou que o BE está "como todos os dias" pronto para negociar e deixou uma ideia: "O BE sempre foi uma garantia de estabilidade".

Patrocinado

Apoio de