BE diz que fica a ideia que Centeno está a prazo e apresenta projeto-lei

A deputada do Bloco de Esquerda garante que o partido vai voltar a apresentar no Parlamento sobre as transferências para os bancos.

Mariana Mortágua considera que ficou, da reunião entre António Costa e Mário Centeno, a ideia de um ministro "a prazo". No Fórum TSF, a deputada do Bloco de Esquerda (BE) garante que na discussão sobre a transferência para o Novo Banco, a posição do ministro não é o assunto mais importante, e por isso, reitera que o BE vai propor um novo projeto-lei.

"É um projeto antigo, que tem sido sempre chumbado", recorda Mariana Mortágua. "Não podemos continuar a ter partidos como o PSD que se indignam cada vez que há uma nova transferência, mas que, cada vez que há uma nova oportunidade, votam ao lado do PS".

"Não pode haver uma nova injeção no Novo Banco sem que esse assunto seja discutido e votado na Assembleia da República", esclarece, sobre a proposta a apresentar pelo BE.

"No caso desta transferência que foi feita este ano, chumba-la, impedi-la, caso não houvesse uma auditoria feita às contas", reitera Mariana Mortágua.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de