CDS aposta em Cecília Meireles para líder parlamentar

Vice-presidente centrista, eleita pelo círculo do Porto, sucede a Nuno Magalhães no parlamento, liderando o grupo de cinco deputados do partido.

A votação está marcada para sexta-feira, mas a TSF sabe que Cecília Meireles é o nome escolhido pelo CDS para liderar a bancada parlamentar centrista. A ponderação dos cinco deputados eleitos nas legislativas de 6 de outubro foi feita entre a vice-presidente do partido, eleita pelo círculo do Porto, e Telmo Correia, deputado eleito por Braga que já esteve na liderança da bancada, já que João Almeida, outro dos potenciais candidatos, deverá entrar na corrida à liderança do partido.

Além de fazer parte da comissão executiva do CDS e do núcleo duro da direção de Assunção Cristas, a jurista - licenciou-se em Direito pela Universidade de Coimbra e especializou-se em gestão de empresas pela Escola de Gestão do Porto - foi secretária de Estado do Turismo no governo de coligação PSD/CDS e, já na oposição, rosto do partido sobretudo em questões de Economia e Finanças e em importantes comissões parlamentares. Ainda recentemente, foi uma das vozes em maior confronto com Joe Berardo, na comissão de Inquérito à Gestão da Caixa Geral de Depósitos, e na troca de "mimos" com o ministro das Finanças, Mário Centeno, sobre um Orçamento do Estado que "vestia Prada". Várias fontes ouvidas, esta quarta-feira, pela TSF elogiam Cecília Meireles pelo perfil "interventivo", "acutilante" e "conhecedor" de várias matérias que vão estar em destaque na próxima legislatura.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados