Costa admite fechar escolas "se estirpe inglesa se tornar dominante"

António Costa anunciou também que, nesta quarta-feira, vão ser iniciados os testes rápidos nas escolas.

O primeiro-ministro adiantou esta tarde que não hesitará em fechar estabelecimentos de ensino se a variante inglesa do coronavírus, mais contagiante, se tornar dominante. "Se soubermos que a estirpe inglesa se tornou dominante em Portugal, teremos muito provavelmente de fechar as escolas", garantiu António Costa.

António Costa falava na abertura do debate sobre política geral na Assembleia da República, após uma intervenção do líder parlamentar do PSD, Adão Silva, que foi muito crítica em relação à atuação do Governo no combate à epidemia de Covid-19.

"Neste momento, estamos a bater-nos para manter as escolas abertas, já que sabemos o enorme custo social que representa fechá-las. Na quarta-feira, vamos iniciar uma campanha de testes rápidos em todas as escolas, tendo em vista reforçar a segurança", disse.

"Se para a semana ou daqui a 15 dias se souber, ou até mesmo se já nesta quarta-feira se souber, por exemplo, que a estirpe inglesa se tornou dominante no país, então, muito provavelmente, vamos ter mesmo de fechar as escolas", advertiu depois o líder do executivo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de