Já há um candidato à liderança do CDS

Depois de Assunção Cristas ter colocado o seu lugar à disposição, Abel Matos Santos não perdeu tempo em assumir uma candidatura.

Abel Matos Santos, porta-voz da Tendência Esperança em Movimento-CDS (TEM-CDS), saudou este domingo a demissão de Assunção Cristas da presidência do partido, e vai candidatar-se à liderança no próximo congresso.

Em declarações à Lusa, Matos Santos afirmou que será candidato porque este não é "tempo de estratégias ou táticas", mas de assumir as "responsabilidades" e vai apresentar uma moção e uma candidatura no congresso nacional, que será antecipado, por proposta da líder, Assunção Cristas.

"É preciso o partido assumir as suas ideias com clareza, assumir-se como partido de direita democrática e deixar o politicamente correto", disse.

Em comunicado, a TEM assinalou que o CDS "teve um mau resultado, um dos piores de sempre da sua história, e com isso o espaço socialista e de esquerda mantém a governação".

A tendência afirma ainda congratular-se "com a decisão da presidente do CDS de convocar um conselho nacional para a marcação do congresso", que espera realizar-se "no mais curto espaço de tempo".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de