Líder do Parlamento Europeu admite fim da indexação do preço do gás ao da eletricidade

Ministros europeus com a pasta da Energia vão reunir-se na próxima semana.

A presidente do Parlamento Europeu, Roberta Metsola, admite à TSF que os ministros europeus com a tutela da Energia podem decidir, no conselho marcado para o próximo dia 9 de setembro, o fim da indexação do preço do gás à eletricidade.

Com "grandes expectativas" para a reunião, Metsola espera sejam tomadas medidas de ajuda às famílias e empresas e que abordem "os desafios imediatos" com que os 27 se deparam: "O aumento do custo de vida e dos preços."

"As nossas famílias precisam de ter garantias de que os líderes políticos cobrirão" estes aumentos. Para a líder do PE, tal significaria que "tudo deve ser feito", passe pelas "diferenças de preços", por "acordos de compra comuns" ou por dissociar "o gás dos mercados da eletricidade".

Questionada pela TSF sobre se esta última medida seria a mais razoável, Metsola sublinha a necessidade de "encontrar uma zona de conforto comum", mas diz confiar que todas as medidas mencionadas "significariam que as famílias podem enfrentar o inverno".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de