Dieta atlântica quer ser património imaterial da UNESCO

No sábado, dia internacional do mar, é apresentado o manifesto para a candidatura da dieta atlântica a património imaterial da UNESCO.

Portugal e Espanha vão apresentar a candidatura da dieta atlântica a património imaterial da Humanidade da UNESCO.

O primeiro passo é dado por estes dias, durante o Melting Gastronomy Summit, que começa esta sexta-feira no Porto. O presidente da Associação para a Promoção da Gastronomia e Vinho, António Souza-Cardoso, diz que a dieta atlântica vai muito além do mar.

"Temos trabalhado com empresas que têm ido connosco lá fora, ligadas às conservas e ao pescado, e também empresas ligadas às algas e a outros novos produtos que cada vez são mais utilizados nas gastronomias mundiais. A dieta atlântica não se limita aos profundos do mar. Temos aqui no norte vinhos oceânicos, como o caso do vinho verde ou as hortícolas de toda esta costa, que são muto influenciadas pelo oceano também."

A candidatura da dieta atlântica a património imaterial da Humanidade reúne cinco entidades galegas e quatro portuguesas. António Souza-Cardoso explica que este projeto une-se à dieta mediterrânica e também passa pela sustentabilidade dos recursos marinhos.

"Há uma tendência muito forte de a gestão do alimento passar para o tipo de nutrição que é proposta por uma dieta atlântica, e ela será sempre muito inspiradora da nossa dieta mediterrânica. Somadas as duas coisas, seremos um país muito recomendável, e, a somar a uma gastronomia apetitosa e gulosa como a nossa, teremos agora também uma gastronomia certificada por estas duas ideias de estarmos na dieta mediterrânica e de uma candidatura à dieta atlântica. Vamos tentar mobilizar, quer os diferentes governos, quer as diferentes entidades envolvidas, para que ganhemos visibilidade suficiente e para poder oferecer aos portugueses duas dietas tão inspiradoras."

António Souza-Cardoso dá alguns exemplos de produtos que encontramos na dieta atlântica: "Todo o pescado de mar, toda a nossa indústria conserveira, hortícolas e frutícolas de toda a costa. Todo o nosso vinho verde é de influência atlântica, o marisco, etc."

No sábado, dia internacional do mar, é apresentado o manifesto para a candidatura da dieta atlântica a património imaterial da Unesco.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de