"Ficará na memória a nostalgia de um lugar vazio." Os prejuízos da Covid-19 no Turismo do Centro

Este ano, e devido à pandemia de Covid-19, as celebrações do 13 de maio são realizadas sem peregrinos.

O impacto é muito negativo mas o Turismo do Centro já tem reservas para os meses de agosto e setembro.

Com as celebrações do 13 de maio sem peregrinos, a região - que em 2019 registou o melhor ano de sempre e que em janeiro e fevereiro estava a crescer acima dos 20% - diz que será muito difícil recuperar. Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, sublinha que com a hotelaria quase toda encerrada as quebras são superiores a 90%.

"Os meses de abril, maio e vamos ver junho. Terão quebras acima dos 90%. Fátima terá um impacto negativo muito forte direto: no número de visitantes nacionais e estrangeiros, a Ásia representa a maioria das reservas dos turistas que chegam a Fátima. Há também um impacto indireto, porque os turistas que chegam a Fátima, à região de Leiria, tinha depois impacto com o Convento de Cristo, em Tomar, com a Nazaré, Alcobaça ", adianta.

O presidente do Turismo do Centro acredita que esta crise vai trazer novos segmentos turísticos e afirma que Fátima e esta região continuam a ser muito procurados, já têm reservas para o verão: "Felizmente já estamos com muitas reservas, nomeadamente para os meses de agosto e setembro. Sobretudo do mercado interno, espanhol, alemão e temos muitos israelitas. Acredito que esta crise vai trazer novos segmentos turísticos para Portugal e que vão além da oferta de sol e praia ou dos city breaks".

Pedro Machado diz que hoje Fátima é uma cidade triste, vai ficar na memória a nostalgia de um lugar vazio: "Fátima é o altar do mundo e tem um colorido natural emprestado pelos milhares de visitantes e peregrinos de todo o mundo. Hoje apenas vemos as bandeiras nacionais e algumas bandeiras de Fátima e pouco mais... ficará na memória a nostalgia de um lugar vazio."

Este ano, e devido à pandemia de Covid-19, as celebrações do 13 de maio são realizadas sem peregrinos, o acesso ao santuário está fechado desde as 10h00.

As celebrações, que começam às 21h30, a partir da Capelinha das Aparições, podem ser acompanhadas em fatima.pt , assim como no canal de Youtube e na página de Facebook do Santuário. Esta terça-feira, após a oração do rosário, seguir-se-á a Procissão de Velas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de