Ricardo Araújo Pereira acredita que a dislexia de Berardo pode explicar tudo

A audição de Joe Berardo no Parlamento não podia deixar de ser tema de abertura no Governo Sombra.

Joe Berardo foi ouvido na segunda Comissão Parlamentar de Inquérito à gestão e recapitalização da Caixa Geral de Depósitos (CGD), para se explicar em relação ao incumprimento de vários créditos, o que proporcionou um "momento sui generis no Parlamento", nas palavras de Carlos Vaz Marques.

Depois de reafirmar não ter dívidas a nível pessoal, e que apenas tentou "ajudar os bancos", o empresário - a quem os bancos reclamam quase mil milhões de euros - explicou que sofre de dislexia, o que lhe causa "problemas em certas coisas".

Para Ricardo Araújo Pereira, isso pode explicar tudo: "Acho que a dislexia é capaz de explicar isto, em princípio o Joe Berardo pediu 10 euros emprestados, e como é disléxico, acrescentou mais oito zeros, e agora deve mil milhões. Acontece. Quem nunca?" - Perguntou o humorista.

A emissão completa do Governo Sombra, para ver ou ouvir , sempre, em tsf.pt.

Continuar a ler