Investigadas queixas de agressões a reclusos no Estabelecimento Prisional de Lisboa

Denúncia partiu de um recluso brasileiro, que entregou uma queixa ao Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa.

A Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais está a investigar queixas de agressões no Estabelecimento Prisional de Lisboa.

A denúncia partiu de um recluso brasileiro, que em declarações ao jornal Público diz ter sido sido espancado várias vezes pelos guardas prisionais depois de ter sido detido por auxílio à imigração ilegal.

Djhoser dos Santos, de 33 anos, entretanto transferido para outra cadeia, conta que em menos de um mês foi agredido várias vezes, uma delas quando já tinha uma das mãos fraturada, e alvo de ameaças de morte.

O seu não é caso único, garante, mas outros reclusos têm medo de fazer queixa. Além disso, a maioria dos agredidos são estrangeiros, que por não terem visitas são mais vulneráveis, considera.

Em declarações à TSF, Jorge Alves, presidente do Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional, admite que possa ter havido agressões no passado, mas garante que agora é "ao contrário": São mais as agressões por parte de reclusos contra guardas, assegura.

Contactada pelo Público, a Provedoria de Justiça adianta que recebeu quatro queixas de agressões no Estabelecimento Prisional de Lisboa desde o inicio do ano.

Já a Associação Portuguesa de Apoio ao Recluso afirma ter recebido várias denúncias de espancamentos diários nesta prisão, sobretudo desde o início da pandemia.

Em declarações à TSF, Vítor Ilharco, secretário-geral desta associação, diz que já tinha denunciado as agressões na Assembleia da República há cerca de um mês, quando a violência se registava diariamente.

No ano passado foram instaurados 21 processos a guardas prisionais na sequência de queixas de agressões. Em sete casos os guardas visados pagaram multas ou foram temporariamente suspensos. Quatro queixas foram arquivadas e nove processos estão ainda por concluir. Apenas um guarda foi expulso.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de