Lagoa de Santo André não vai ser ligada ao mar este ano

Agência Portuguesa do Ambiente e Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas consideram que o nível da água ficaria demasiado baixo.

A Lagoa de Santo André, em Sines, não vai ser ligada ao mar este ano, ao contrário do que é habitual. A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) consideram que, devido à situação de seca que atinge particularmente o Sul do país, não estão reunidas as condições para levar a cabo a operação que costuma decorrer por esta altura.

Numa nota enviada à TSF, a APA explica que, fruto do volume extremamente baixo de água acumulado na lagoa este ano, não haveria potencial hidráulico com força suficiente para permitir a limpeza dos fundos da lagoa. Também não seria possível manter o canal aberto durante um período de tempo razoável ou para garantir a troca de água doce e salgada em volumes minimamente razoáveis.

A agência do ambiente e o ICNF consideram que, caso fosse executada nesta altura, a ligação ao mar poderia deixar a altura de água na lagoa bastante baixa, o que seria prejudicial para as comunidades de peixes existentes no local.

A ligação da Lagoa de Santo André, no concelho de Sines, ao chegou a estar programada para o dia 18 deste mês e, depois de ter sido adiada para dia 31, não vai afinal realizar-se.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de