Nem os Açores escapam agora ao risco vermelho de transmissão

Era a última região com risco médio segundo os critérios do centro europeu que acompanha a propagação de doenças.

Os Açores entraram na lista vermelha do Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC) para a transmissão do novo coronavírus.

Depois da Região Autónoma da Madeira, que na semana passada também entrou na lista vermelha, os Açores eram a última região portuguesa onde o risco ainda era classificado como médio (laranja).

Os mapas de risco são feitos com base nos casos positivos nos últimos 14 dias por cem mil habitantes e na percentagem de testes feitos com resultado positivo.

É considerada uma região de alto risco quando existem mais de 50 casos ativos (aqueles detetados nos últimos 14 dias) por cada cem mil habitantes e a taxa de positividade é superior a 4%.

Nesta semana, tal como já se verificava nas últimas, é raro o país ou a região da Europa que não está classificado como tendo risco máximo de contágio.

Estão fora da lista da lista vermelha todo o território da Noruega, toda a Finlândia e partes da Grécia.

LEIA AQUI TUDO SOBRE O NOVO CORONAVÍRUS

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de