Ómicron em Portugal. Contactos serão submetidos a plano de testagem "muito rigoroso"

A diretora-geral da Saúde explica que o objetivo é "quebrar cadeias de transmissão" para impedir a propagação da doença.

A diretora-geral da Saúde adiantou, esta segunda-feira, que relativamente aos 13 casos confirmados da variante Ómicron em Portugal será feita uma "identificação mais alargada dos contactos", com um plano de testagem "muito rigoroso". Graça Freitas esclareceu também que os 13 casos não dizem respeito apenas aos jogadores da B SAD, mas também ao staff da equipa.

"Tratando-se de uma variante nova, vamos proceder a uma identificação mais alargada dos contactos e ao seu isolamento", explicou, em declarações à TSF, sublinhando que essas pessoas serão submetidas "a um plano de testagem "muito rigoroso", com o objetivo de "quebrar cadeias de transmissão".

Os contactos "permanecem isolados e serão submetidos a testagem regular, o mais precocemente possível, ao 5.º e ao 10.º dia", referiu Graça Freitas.

Os jogadores que estiveram em campo no sábado vão entrar no plano de testagem. Ainda durante esta segunda-feira, todos serão testados, por uma questão de precaução. Sendo uma nova variante, "temos de apertar a malha", reconhece a diretora-geral da Saúde, acrescentando não se tratar da regra habitual. O objetivo é testar e isolar, para impedir a propagação da doença.

"Pelo princípio da precaução" e por se tratar de uma nova variante, ainda pouco conhecida, os jogadores do Benfica também devem ser testados.

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) e a Direção-Geral da Saúde (DGS) confirmaram, esta segunda-feira, 13 casos da variante Ómicron em Portugal. O INSA e a DGS adiantaram que todas as amostras positivas estão "associadas a casos de infeção de jogadores do B SAD, dado que um dos casos positivos terá tido uma viagem recente à África do Sul".

O INSA indicou ainda que as autoridades de saúde determinaram o "isolamento profilático dos contactos dos casos de infeção associados a este surto, independentemente do estado vacinal e do nível de exposição".

LEIA AQUI TUDO SOBRE A COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de