Pandemia veio mostrar a importância de se "investir na ciência"

Na perspetiva de Elvira Fortunato outra das prioridades deve ser o combate à desinformação.

Quem mais investe na ciência está mais preparado para enfrentar crises como a da Covid-19. Quem o diz, no Fórum TSF, é a professora catedrática e investigadora da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, Elvira Fortunato.

Em entrevista ao jornalista Manuel Acácia, Elvira Fortunato considera que "esta pandemia, além de toda a parte negativa que teve e vai ter na sociedade, no mundo, mostrou também que há coisas muito importantes, nomeadamente, que o olhar que o cidadão comum coloca na ciência vai ser de uma outra forma".

Por isso, defende, "tem de se investir mais na ciência", pois "aqueles que investem mais em ciência também são aqueles que ficam mais armadilhados e mais fortalecidos para poder responder a estas crises".

OUÇA AQUI NA ÍNTEGRA O FÓRUM TSF: BALANÇO DE UM ANO MARCADO PELA PANDEMIA

Na perspetiva de Elvira Fortunato outra das prioridades deve ser o combate à desinformação: "Acho inconcebível como é que ainda existem pessoas que ainda negam a evidência científica. Esse assunto deveria ser mais falado, para tentar combater [a desinformação]."

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de