Circuito integrado: a invenção que revolucionou o mundo de forma "silenciosa e mágica"

Está escondido em quase todos os os objetos eletrónico à nossa volta, contribuiu para a construção de todos os outros. Há 60 anos, o circuito eletrónico mudou o mundo como por magia.

Já se questionou como funciona o telemóvel, tablet ou computador onde está a ler esta notícia? Por detrás de todas as tecnologias que hoje fazem parte do quotidiano está uma peça-chave que nasceu há 60 anos.

O "elemento básico" do mundo da eletrónica chama-se circuito integrado e foi patenteado pela Texas Instruments no dia 6 de fevereiro de 1959.

É uma invenção que mudou a vida das pessoas "de forma silenciosa e mágica", considera Marcelino Bicho dos Santos, professor de Microeletrónica no Instituto Superior Técnico. "Revolucionou o mundo em que vivemos de forma quase impercetível".

"É mágico porque está escondido, mas presente em quase todos os objetos à nossa volta." Até escolher um tom especifico de tinta usada para pintar uma parede é possível, e fácil, graças aos circuitos integrados.

Jack Kilby foi o responsável pela invenção e patente do primeiro circuito integrado. Conta a Texas Instruments que, enquanto quase todos os funcionários estavam de férias, em junho de 1958, o engenheiro norte-americano começava a trabalhar nos primeiros esboços da sua invenção.

Em setembro do mesmo ano provou a sua funcionalidade e, no início do ano seguinte, neste dia há 60 anos, patenteou o que descreveu como "um corpo de material semicondutor em que todos os componentes do circuito eletrónico estão completamente integrados."

Continuar a ler

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de