"Eles que se atrevam!"

No dia em que se assinala a luta pela igualdade de direitos entre mulheres e homens, a TSF dá a conhecer a história das cinco mulheres eleitas nas primeiras autárquicas a seguir ao 25 de abril.

Em 1976, elas ficaram conhecidas como "as cinco magníficas" por terem desafiado preconceitos e enfrentado o poder maioritariamente masculino.

Naquele dia de janeiro de 1977, Maria de Lurdes Breu subia a escadaria da Câmara de Estarreja sozinha com a cabeça num turbilhão. Sentia o estômago descolado. Afinal tinha sido eleita presidente da autarquia. Ao cimo da escada, à espera dela, estava o chefe de secretaria

"Eu subi aquela escada a pensar com os meus botões 'e agora o que é que eu vou fazer?' O senhor cumprimentou-me com toda a delicadeza, apresentou-me a toda a gente e o que eu via na cara das pessoas era isto: 'Ora sai-me agora uma mulher?!'"

Ali perto, em Vagos, também no distrito de Aveiro, Alda Víctor, uma mulher que se movimentava na alta burguesia lisboeta, era também eleita, sem estar a contar. Foi a filha que lhe deu a notícia: "Ela abriu a porta e disse 'Olha mãe, estás presidente da câmara de Vagos'". E comunicou ao marido: "Vou governar a câmara como tenho governado a nossa casa, só que, em vez de ter só uma filha, tenho muitos filhos".

Na Mealhada, uma mulher solteira e sem filhos, de jeito despachado e atrevido, estava também presidente de Câmara. Odete Isabel era farmacêutica hospitalar, trabalhava na altura no Hospital de Coimbra e contou ao presidente o conselho de gerência essa intenção. A resposta que ouviu? "Ó menina, deixe isso para os homens".

Francelina Chambel foi eleita cinco vezes consecutivas no Sardoal, distrito de Santarém. Vivia e trabalhava em Lisboa e diz que houve uma vaga para que se candidatasse ao Sardoal, onde ia com frequência. O marido foi um dos principais impulsionadores.

Judite Mendes Abreu, eleita em Coimbra, foi a quinta a fazer parte desta mão-cheia de mulheres pioneiras na política e que ficaram conhecidas como "As cinco magníficas". Morreu em 2007.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de