Saúde

Um em cada cinco portugueses tem falta de vitamina D

Falta é maior a Norte e menor no Algarve onde o sol dá uma ajuda.

Um estudo apresentado este sábado sobre "A carência de Vitamina D em Portugal", da Faculdade de Medicina de Coimbra, em colaboração com a Nova Medical School, concluiu que 21% da população portuguesa tem níveis de vitamina D abaixo do recomendado pelas autoridades de saúde.

Uma das responsáveis pelo estudo, a reumatologista Cátia Duarte, adianta à TSF que a falta é maior nos Açores e no Norte do Continente, diminuindo à medida que se vem para Sul, atingindo os valores mais altos no Algarve, tendência a que não será estranha a maior ou menor presença de sol pelas regiões.

Cátia Duarte alerta que os resultados deste estudo preocupam os médicos.

A médica reumatologista explica ainda quem tende a ter mais falta desta vitamina.

A vitamina D é um tema cada vez mais debatido entre os especialistas em saúde, nomeadamente pela importância em grupos de risco como grávidas, crianças, idosos e obesos, mas também para a restante população pela importância para "o bom funcionamento do organismo e prevenção de diversas doenças".

Esta é a primeira análise a nível nacional aos níveis de vitamina D na população adulta portuguesa.

  COMENTÁRIOS