"Acordo Ortográfico foi feito pela calada da noite e tem sido um desastre"

No habitual comentário na TSF, Bagão Félix elogia a iniciativa do PCP que pede a suspensão do Acordo Ortográfico.

Bagão Félix considera que o Acordo Ortográfico "tem sido um desastre". No comentário semanal na TSF, o antigo ministro defende que o documento acaba com a diversidade dentro da língua portuguesa e a implementação tem sido confusa.

"Estamos numa situação em que algumas pessoas escrevem sem respeitar o acordo, outras respeitando e outras misturando tudo. Mesmo a ensinar. É uma confusão completa", defende.

O comentador salienta que o acordo "foi feito pela calada da noite. Entrou em vigor no Governo José Sócrates por uma resolução, como uma obrigação que não é discutida. A maior parte dos escritores, dos tradutores, das pessoas que têm uma informação adequada sobre isto, têm lutado contra este dito Acordo Ortográfico."

Bagão Félix fala de uma "luta difícil e desigual" por desinteresse dos poderes públicos e da maior parte dos partidos. Nesse sentido, o comentador considera importante a iniciativa do PCP que pede a suspensão do Acordo Ortográfico.

O Parlamento debate esta quarta-feira a proposta do PCP, a par de uma petição contra o Acordo Ortográfico com mais de 20 mil assinaturas - uma delas, de Bagão Félix.

No espaço semanal na TSF, Bagão Félix comenta ainda o projeto de Código das Associações Mutualistas, que está em discussão pública.

Todas as quartas-feiras depois das 9h, Bagão Félix comenta os principais assuntos da atualidade económica na TSF.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de