Explosão perto de base dos EUA na Síria

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos confirmou numa declaração a explosão e afirmou que até à data não foram relatadas quaisquer baixas.

Uma explosão abalou as proximidades de uma base militar norte-americana na província de Deir al-Zur na Síria oriental, onde nas últimas duas semanas se registou uma série de incidentes depois de Washington ter bombardeado as milícias iranianas.

Uma fonte militar síria que pediu anonimato disse à agência noticiosa Efe que a explosão ocorreu na área do campo de gás de Konico, onde se encontra uma base norte-americana, enquanto a agência noticiosa síria oficial SANA disse que ocorreu pouco antes da meia-noite de sábado.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos confirmou numa declaração a explosão e afirmou que até à data não foram relatadas quaisquer baixas.

A ONG, sediada no Reino Unido e com uma vasta rede de parceiros no terreno, disse ter sido causada pelo impacto de um foguete que poderia ter sido lançado pelas milícias apoiadas por Teerão a partir das suas posições a oeste do rio Eufrates.

Contudo, a coligação internacional que combate o grupo jihadista Estado Islâmico (IS) na Síria e no Iraque, liderada pelos Estados Unidos, não comentou o incidente, o quarto desde o bombardeamento por aviões norte-americanos a 28 de junho.

Nesse mesmo dia, as milícias lançaram foguetes contra a base militar norte-americana no campo petrolífero de Al Omar e também em Deir al Zur.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de