Rui Rio leva vantagem sobre Paulo Rangel a caminho das diretas

Só os militantes do PSD podem votar nas eleições internas, logo, esta sondagem da Aximage para TSF-JN-DN vale apenas como um retrato geral do que pensam os inquiridos. Rui Rio é apontado como o provável vencedor das diretas.

Tanto junto dos inquiridos em geral, como entre aqueles que assumem votar no PSD, Rui Rio, líder do PSD há mais de três anos, parece beneficiar de uma dinâmica de vitória, 56% dos eleitores social-democratas consideram que será ele a vencer as diretas, contra os 33% que apostam em Paulo Rangel, que concorre, pela segunda vez, à liderança do PSD. 11% não expressam opinião.

Junto dos inquiridos de outros partidos, também se antecipa, nesta altura, uma vitória de Rio, mas o número de indecisos ronda os 25%.

A sondagem foi feita ainda antes do anúncio do Presidente da República sobre a marcação de legislativas para 30 de janeiro.

Quando a pergunta é "qual seria o melhor líder para o PSD?", mais de metade dos que dizem votar no partido (54%) escolhem Rui Rio. Paulo Rangel fica pelos 31%, abaixo dos 35% que obteve, quando, em 2010, concorreu e perdeu contra Passos Coelho.

Questionados sobre em quem depositam mais confiança para liderar o partido, os valores quase que se mantêm: 53% dos eleitores do PSD escolhem Rio, 34%, optam por Rangel.

O atual líder sai também beneficiado na comparação com o adversário, na opinião dos inquiridos sobre quem consideram mais competente (Rio- 55%, Rangel 34%), solidário (Rio-56%, Rangel 29%), influente (Rio-56%, Rangel 35%) e honesto (Rio-49%, Rangel 18%). Em todos estes parâmetros, Rio bate Rangel.

O mesmo acontece num frente a frente sobre personalidades e políticas, mas aqui a diferença entre os dois é mais reduzida. 47% dos que votam no PSD, gostam de Rui Rio e das suas políticas, contra os 38% que apreciam Paulo Rangel e aquilo que defende.

Cerca de 20% eleitores do PSD gostam de Rio, mas não das políticas que propõe, no caso de Rangel são 14%. E no extremo da rejeição tanto de personalidades, como de políticas, Rio recolhe 15%, enquanto Rangel recebe 22% de desaprovação.

Em traços gerais, Paulo Rangel só ultrapassa Rui Rio no Centro do país, de resto é o atual líder quem leva vantagem, quando a batalha está só a começar.

Ficha técnica
A sondagem foi realizada pela Aximage para TSF, JN e DN com o objetivo de avaliar a opinião dos Portugueses sobre temas relacionados com as candidaturas de Rui Rio e Paulo Rangel à liderança do PSD. O trabalho de campo decorreu entre os dias 28 e 31 de outubro. Foram recolhidas 803 entrevistas entre maiores de dezoito anos residentes em Portugal. Foi feita uma amostragem por quotas, com sexo, idade e região, a partir do universo conhecido, reequilibrada por sexo e escolaridade. À amostra de entrevistas, corresponde um grau de confiança de 95% com uma margem de erro de 3,46%. A responsabilidade do estudo é da Aximage Comunicação e Imagem Lda. sob a direção técnica de Ana Carla Basílio.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de