Sporting-FC Porto

Conceição lamenta dois pontos perdidos em jogo que chegou a ser "mal jogado"

Técnico azul e branco acredita que a sua equipa podia ter decidido o jogo nos primeiros 20 minutos da segunda parte.

Sérgio Conceição não era um treinador satisfeito no final do Clássico deste sábado, entre Sporting e FC Porto, que acabou empatado a zero. Na flash interview após o jogo, o técnico portista considerou que o resultado foi "injusto" e o resultado de um jogo "mal jogado em alguns momentos".

PUB

"Foi um resultado injusto pelas oportunidades que tivemos. Não foram muitas, mas mais flagrantes do que as do adversário. A primeira parte foi equilibrada, o Sporting deu-nos a iniciativa, mas foi um jogo muito equilibrado, com as equipas muito encaixadas e até mal jogado em alguns momentos", defendeu o técnico azul e branco, que interrompeu este sábado uma série de 18 vitórias consecutivas.

Tal como Marcel Keizer, também Sérgio Conceição fez notar que a segunda parte podia ter mudado o rumo do jogo. "Na segunda parte, nos primeiros 20 minutos, podíamos ter feito golo, estivemos por cima no jogo, o Sporting esteve algo descontrolado, e podíamos e devíamos ter definido melhor no último terço. Por tudo o que se passou, perdemos dois pontos", lamentou o treinador, entrando em concordância com o técnico holandês, que tinha admitido que o Sporting tinha perdido o controlo do jogo na segunda parte.

Sem querer admitir que a sua equipa será a favorita à vitória do campeonato, Conceição fez notar a dificuldade de existir um campeão "como no ano passado, com 88 pontos".

"Está muito difícil. Estão muitos pontos em disputa e o Sporting é um grande clube. Não os coloco fora da luta pelo título. A vantagem não significa nada. Todas as semanas os jogos são extremamente difíceis", alertou.

Leia mais:

- E as balizas, senhores? A tarde em que Renan e Casillas foram (quase) espectadores

- Alvalade não viu golos. FC Porto e Sporting empatam a zero

- Cartões, chamas e muito físico. As imagens do Sporting-FC Porto

- Keizer contente com "a equipa e com o espírito combativo"​​​​​​​

  COMENTÁRIOS